Tamanho do texto

Moto foi criada oficialmente pela Boss Hoss Cycles. Com visual musculoso e ares futuristas, deve ir bem na estrada, com suas três rodas e 451 cv

Lamborghini Aventador
Divulgação
Moto Lamborghini Aventador pode ser considerada até um triciclo muscle, com suas três rodas e motor V8 de Corvette

Onde já se viu unir uma moto da marca americana Boss Hoss com um Lamborghini Aventador? Mesmo que misturar carros com motos e vice-versa não seja algo tão incomum — com exemplos famosos da moto com motor V10 do Dodge Viper e a nacional Amazonas, com motor boxer, do Fusca 1600 — esta veio para desbancar tudo o que conhecemos.

LEIA MAIS: Mini apresenta scooteres elétricos que lembram os modelos de 4 rodas

A começar por quem a fez: a filial alemã da própria Boss Hoss Cycles. O conceito da moto (ou triciclo?) com traseira da Lamborghini Aventador se trata de uma encomenda feita por um cliente, que foi equipada com nada menos que um motor 6.2 V8, de 451 cv, emprestado de um Chevrolet Corvette.

LEIA MAIS: Triumph Bobber chega em edição limitada a 16 unidades, da Garagem Shibuya

Além disso, outra curiosidade fica por conta do visual de sua carenagem, que apesar de partir de um modelo clássico no mundo das motocicletas , sua robustez e seus “músculos” carregam ares consideravelmente futuristas. Como será a sensação ao dirigí-la? O que se sabe é que não deve ser nada muito prático na cidade, mas na estrada…

LEIA MAIS: Ducati Panigale V4 R, a moto mais cara do Brasil, acaba de chegar para encomenda

Moto mais veloz do mundo, com motor maior ainda

Tal como a Boss Hoss, esta não foi feita por um milionário no fundo do quintal. Aos que se lembram, a Dodge criou, lá em 2003, a Tomahawk, que como dito anteriormente, traz o motor V10 de 512 cv do Viper. Não era o objetivo do grupo Chrysler comercializá-la, porém, ela chamou tanta atenção que a marca acabou por produzi-la em série, mas em quantidade super limitada, de apenas 9 unidades. O preço deste brinquedo na época: US$ 550 mil, o que equivale a cerca de R$ 2 milhões.

LEIA MAIS: Moto voadora começa a ser vendida por R$ 1,5 milhão nos EUA. Veja o vídeo

A moto inusitada é capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em apenas 2,5 segundos e atingir a velocidade máxima de alucinantes 680 km/h. Vale lembrar que, devido à questões de segurança, a Dodge resolveu reduzir essa velocidade para “pífios” 480 km/h (ou 130 km/h a mais que o melhor Lamborghini Aventador já produzido: o SVJ).

A robustez também está nos seus quatro pneus, os grandes responsáveis pela aderência e o mínimo de segurança. A distribuição de peso da moto com traseira de Lamborghini Aventador contribui para que ela pudesse obter resultados interessantes em altas velocidades. A fabricante resolveu dividir 51% na parte dianteira e 49% na traseira.