Tamanho do texto

Bigtrail agora traz tanque maior e sistema de suspensão com curso mais longo. Além disso, deverá ficar mais em conta em 2021, com novo motor

Honda Africa Twin
Divulgação
Nova linha da Honda Africa Twin promete ainda mais competência no off-road, com mais equipamentos

Apresentada no início de 2018, a linha 2020 da Honda Africa Twin será vendida no Brasil, com a chegada da versão CRF 1000L Adventure Sports. A aventureira (como o próprio nome diz) será apresentada durante o Bike Fest Tiradentes, que acontecerá entre os dias 26 e 30 de junho em Minas Gerais, terá preços anunciados na primeira quinzena de julho, mas chegará às lojas apenas no 2º semestre.

LEIA MAIS: Além da moto de 250 cc, Harley-Davidson deverá ter outras de baixo custo

A nova Honda Africa Twin Adventure Sports é pensada para atender à proposta de andar por mais tempo em terrenos acidentados. Foi elevada para ter um vão livre do solo de 27 centímetros. A suspensão dianteira da CRF 1000L agora tem 252 mm de curso, enquanto a traseira tem 240 mm, um aumento de 20 mm para ambas. Em conjunto a tudo isso, o banco foi reposicionado para ficar mais alto, e assim favorecer a postura do piloto.

LEIA MAIS: Motos seminovas: 5 dicas que você deve saber na hora da venda

Outra novidade é o tanque de combustível maior, com capacidade para 24,2 litros (antes eram 18,8 litros). O design agora traz para-brisa e carenagens maiores. Para a Africa Twin convencional, a chegada do acelerador eletrônico Throttle By Wire, usando três modos de condução que alteram a entrega de torque, é a única novidade. No mais, ambas segue com o mesmo design e o motor bicilíndrico de 998 cc, que desenvolve 95 cv e 9,9 kgfm, e o câmbio de 6 marchas.

Honda Africa Twin mais barata em 2021

Honda Africa Twin
Divulgação
Imagem da suposta Honda Africa Twin modelo 2021, que vazou no Japão antes do lançamento oficial

Conforme adiantado pela redação do iG carros , a bigtrail pode ganhar uma irmã menor, para aumentar o volume de vendas. Segundo os rumores que circulam no Japão, a fabricante estaria desenvolvendo não só a atualização da geração atual — que teria um motor de 1100 cm³ para substituir o atual, de 999,1 cm³ — como também a criação de uma versão de 850cc, para 2021.

LEIA MAIS: Segredo! Nova Ducati que vai concorrer com a Honda CB 1000R já está em testes

Além de aumentar a acessibilidade da nova Honda Africa Twin , o objetivo seria de rivalizar com a BMW F 850 GS , a Yamaha Ténéré 700 — esta apresentada ano passado e que chega às lojas europeias neste ano — e a KTM 790 Adventure. Com isso, a novidade será apresentada no fim do ano em salões europeus, já que 2020 chega a norma Euro 5 de emissão de poluentes.