Mercedes-Benz EQS SUV tem autonomia que até 600 km e conta com 536 cv de potência combinada
Divulgação
Mercedes-Benz EQS SUV tem autonomia que até 600 km e conta com 536 cv de potência combinada

A Mercedes-Benz revela mundialmente o EQS SUV, que como a última nomenclatura denuncia, trata-se de um veículo utilitário esportivo com pretensões para o fora de estrada, com tração integral “otimizada para estradas não pavimentadas, inclinações e terrenos”, diz a fabricante. 


O SUV elétrico de sete lugares será produzido em uma plataforma específica para modelos da classe de 'zero emissões', que por sinal é a mesma utilizada na versão sedã EQS, com o qual partilhará grande parte do design.

O EQS SUV é o primeiro elétrico da marca a ter capacidade para transportar sete passageiros e projetado para encarar desde trechos urbanos, quando pistas mais acidentadas como superfícies com cascalhos ou lama/terra. Para isso conta a seu favor a maior altura ao solo e de ainda mais espaço a bordo.

O SUV elétrificado conta com alguns elementos de design do mais sofisticado Mercedes-Maybach EQS SUV concept de 2021, modelo o qual também dará origem a um modelo de produção no próximo ano, de acordo com a Mercedes.

Um dos destaques que mais chamam a atenção no EQS SUV é a grade com elementos que reforçam o DNA da marca alemã tais como a estrela de três pontas espalhadas por toda a extensão. Não menos importante, as rodas cromadas e pretas reforçam o caráter clássico e esportivo do novo carro.

Na parte interna, o visual vanguardista traz um “cockpit” Hyperscreen (com um painel curvo de 56 polegadas que engloba o painel de instrumentos, a tela para o infotainment e uma terceira para o passageiro da frente). Para reforçar a exclusividade, é possível optar por até sete cores do acabamento interno, incluindo o revestimentos de couro e madeira.

No porta-malas, com todos os bancos rebatidos, o volume pode chegar até 2.100 litros e com a terceira fileira posicionada, é possível acomodar até quatro sacos de golfe. Além disso, o novo EQS SUV contará com um sistema de som premium Dolby Atmos e um sistema Energising Air Control Plus.

Com um alcance estimado de 600 km , o Mercedes-Benz EQS SUV vai de igual para igual com o Tesla Model X  e o BMW iX . Destaque para o sistema de tração integral e para um modo de condução para fora de estrada de atuação inteligente.

Leia Também


Espelhando a linha de sedãs EQS , haverá dois níveis de acabamento: o 450+ com tração traseira e o esportivo de motor duplo 580 4MATIC . O motor do eixo traseiro de 265 kW do 450+ produzirá 265 kW de energia, permitindo 355 cv de potência e 57,92 kgfm de torque.

Os motores dos eixos dianteiro e traseiro da configuração 580 4MATIC produzem 400 kWh combinados, para 536 cv de potência e 87,51 kgfm de torque.

No modelo 4MATIC , a função Torque Shift garante “distribuição continuamente variável do torque de acionamento entre os motores elétricos traseiros e dianteiros”, diz a Mercedes. A aceleração provavelmente será diferente, embora a marca alemã ainda não esteja divulgando o tempo de 0 a 100 km/h do EQS SUV.

Como o sedã EQS , o SUV virá com recursos Plug and Charge , compatível com cerca de 90% das estações de carregamento públicas sem a necessidade de baixar um aplicativo ou se inscrever em um serviço de carregamento individual.

A Mercedes não forneceu informações sobre a voltagem da arquitetura do SUV, mas disse que a bateria carregará de 10% a 80% em 31 minutos quando conectada a um carregador rápido DC de 110kW ou mais. A potência máxima do SUV EQS é de 265 kW.

A Mercedes também não divulgou os preços para o mercado mundial, pelo menos até o fechamento desta reportagem, mas o modelo tem previsão de ser lançado a partir da segundo semestre de 2022 na Europa e EUA. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários