Tamanho do texto

A Honda decidiu apostar no Civic Si mais uma vez, chegando no mês que vem por R$ 159.990. Conheça outros raros modelos no segmento

Alguns esportivos ainda aparecem aos conta-gotas no Brasil. A que mais investiu no segmento foi a Audi, acompanhe a lista! Tivemos o lançamento recente do SUV esportivo SQ5, além do novo RS3 Sedan e o incrível TT RS. O primeiro tem respeitáveis 354 cv de potência, e você pagará mais de R$ 1 mil por cada um deles. Os outros dois apostam em motor 2.5 de cinco cilindros com 400 cv, sendo que o sedã custa R$ 329.990 e o cupê passa dos R$ 400 mil.

LEIA MAIS: Esportivos que serão vendidos no Brasil ainda em 2018

O Ford Mustang também é um dos lançamentos do mês. Com valor promocional de pré-venda, o muscle car parte de R$ 299.990. Notou um padrão? Todos estão bem acima dos R$ 300 mil, como sonhos distantes aos meros mortais. Este é um fato complicado para aqueles que realmente curtem a sensação de dirigir, mas o segmento de esportivos abaixo dos R$ 170 mil está definhando. O único modelo que será lançado nesta faixa este ano é o Honda Civic Si, que virá ao Brasil importado do Canadá por R$ 159.990. Aliás, nem precisamos de uma lista longa para enumerar os esportivos abaixo dos R$ 170 mil vendidos no Brasil. Saiba quais são, e conheça mais sobre cada um!

LEIA MAIS: Audi RS3 Sedan: o pequeno notável chega ao Brasil

1 - Honda Civic Si - R$ 159.990

Honda Civic Si: nova aposta da marca japonesa entre os esportivos. Chega no mês que vem, novamente importado do Canadá
Divulgação
Honda Civic Si: nova aposta da marca japonesa entre os esportivos. Chega no mês que vem, novamente importado do Canadá

Vamos começar nossa lista com o anúncio mais recente. A Honda trará o Civic Si mais uma vez para o Brasil, e eles já até anunciaram o preço. Quem quiser levar o cupê esportivo pra casa terá que desembolsar  R$ 159.990. Há duas gerações, ele já chegou a ser o carro mais potente fabricado no Brasil, perdendo o posto anos depois para o Golf GTI.

LEIA MAIS: Volkswagen mostra conceito do Tarek, futuro rival do Compass

Dessa vez, a Honda aposta no modelo 1.5 turbo de 208 cv de potência e 26,5 kgfm de torque a 2.300 rpm. O câmbio, para a nossa alegria, será manual de seis velocidades. O Civic Si chegará em um patamar estratégico para a Honda. Apesar de ser menos potente e mais caro que o Golf GTI, ele é o único cupê esportivo que você poderá comprar por esse valor.

LEIA MAIS: Eis o primeiro carro elétrico feito em uma impressora 3D

2 - Volkswagen Golf GTI - R$ 134.870

Volkswagen Golf GTI: Com 220 cv, o Lobo de Wolfsburg está para ser reestilizado no Brasil
Divulgação
Volkswagen Golf GTI: Com 220 cv, o Lobo de Wolfsburg está para ser reestilizado no Brasil

Quer um refresco doloroso para a memória? Quando o Golf GTI chegou ao Brasil em 2013 ainda importado da Alemanha, partia de R$ 93 mil. Alguns anos depois e o hatch esportivo da Volkswagen fica R$ 41 mil mais caro, mesmo que sua fabricação tenha sido nacionalizada. As coisas ficam ainda mais difíceis para o GTI quando analisamos o segmento de hatches médios. Há dez anos, eles chegaram a corresponder por mais de 6% do mercado nacional. De lá pra cá, o número esteve em queda livre, ficando na casa dos 0,75%.

LEIA MAIS: Novo Tiguan chega no mês que vem, com cinco e sete lugares

O segredo do Golf GTI está no motor 2.0 de 220 cv de potência e brutais 35,7 kgfm de torque aos 1.500 giros. Com essa configuração, o Lobo de Wolfsburg é capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 7,2 segundos. É uma pena que a brincadeira seja tão cara.

LEIA MAIS: Jeep planeja novo SUV abaixo do Renegade para o Brasil

3 - Peugeot 208 GT - R$ 84.490

Peugeot 208 GT: um dos esportivos mais em conta de sua categoria. Anda junto dos graúdos
Divulgação
Peugeot 208 GT: um dos esportivos mais em conta de sua categoria. Anda junto dos graúdos

Quem não quer desembolsar mais de R$ 100 mil num esportivo não está desamparado. Poucos lembram que o Peugeot 208 GT leva tempero picante por R$ 84.490. São 174 cv de potência e 24,5 kgfm de torque a 1.400 rpm. A transmissão foi pensada para os puristas: manual de seis velocidades.

LEIA MAIS: SUV mais caro do mundo terá apenas 9 unidades feitas sob encomenda

Junte tudo isso ao prazer de dirigir que a Peugeot gosta de valorizar em seus carros. O motorista vê o cluster por cima do pequeno volante de base achatada, dando uma característica esportiva muito marcante para todas as versões do 208. De acordo com a fabricante, o esportivo francês acelera de 0 a 100 km/h em 7,6 segundos. Portanto, você não ficará tão longe do Golf GTI, que custa quase R$ 50 mil a mais.

LEIA MAIS: Kia Sportage é visto camuflado antes da estreia. Veja os detalhes

4 - Renault Sandero R.S. - R$ 63.600

Renault Sandero R.S: o baixo volume de vendas pode comprometer sua produção no futuro
Divulgação
Renault Sandero R.S: o baixo volume de vendas pode comprometer sua produção no futuro

Eis outra alternativa um pouco mais barata. Se existisse um critério entre preço e a diversão que será proporcionada ao volante, o Renault Sandero R.S encabeçaria a lista dos esportivos brasileiros. Entretanto, o baixo volume de vendas coloca o futuro do hatch da Renault Sport em risco. Lembramos que a família Logan e Sandero está para ser renovada nos próximos meses.

LEIA MAIS: Conheça os cinco hatches compactos mais gastões do Brasil

Este foi o primeiro projeto da Renault Sport fora da Europa. Se você pensa que a marca apenas instalou um motor mais potente no Sandero, pense outra vez. Acerto de suspensão, remapeamento, amortecedores… Tudo é diferente em relação ao modelo convencional. O Sandero R.S. é um esportivo legítimo! O segredo está no motor 2.0 de 150 cv de potência e 20,9 kgfm de torque. O conjunto permite uma aceleração de 0 a 100 km/h em 8 segundos cravados, conforme a fabricante. Parte de R$ 63.600.

LEIA MAIS: Jeep Renegade Custom: versão mais simples dá conta do recado

5 - Mini John Cooper Works - R$ 169.900

Mini Cooper JCW: toda a diversão de um kart com a sofisticação e charme de um legítimo Mini
Divulgação
Mini Cooper JCW: toda a diversão de um kart com a sofisticação e charme de um legítimo Mini

O modelo mais caro de nossa lista também é o mais rápido. De acordo com a fabricante, o Mini John Cooper Works, ou apenas JCW, acelera de 0 a 100 km/h em 6,1 segundos. Seu motor 2.0 desencadeia a força de 231 cv de potência a 5.200 rpm e 32,6 kgfm a 1.250 rpm. Com esses números, fica claro por quê o JCW se torna um devorador nato de asfalto.

LEIA MAIS: Jeep Compass Limited Diesel surpreende com bom conjunto mecânico

Por conta do centro de gravidade baixo entre os esportivos, o JCW é capaz de fazer curvas agudas em velocidade sem qualquer preocupação. Por dentro, o Cooper Works também se diferencia do modelo convencional por conta dos detalhes e acabamentos. Destacamos os belos bancos concha esportivos com detalhes vermelhos e a luz ambiente configurável, que passa um aspecto de sofisticação ao carrinho de sangue quente.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.